Segunda-feira, 29 de Junho de 2009

Barroco Tropical.

Este foi o livro que ofereci...

 

 

 "Uma mulher cai do céu durante uma tempestade

tropical. As únicas testemunhas do acontecimento

são Bartolomeu Falcato, escritor e cineasta, e a sua

amante, Kianda, cantora com uma carreira internacional

de grande sucesso. Bartolomeu esforça-se por desvendar

o mistério enquanto ao seu redor tudo parece ruir. Depressa

compreende que ele será a próxima vítima. Um traficante

de armas em busca do poder total, um curandeiro

ambicioso, um antigo terrorista das Brigadas Vermelhas,

um ex-sapador cego, que esconde a ausência de rosto

atrás de uma máscara do Rato Mickey, um jovem pintor

autista, um anjo negro (ou a sua sombra) e dezenas de

outros personagens cruzam-se com Bartolomeu, entre

um crepúsculo e o seguinte, nas ruas de uma cidade

em convulsão: Luanda, 2020."

 
Nunca li nada deste autor, mas parece-me interessante.
 
sinto-me:
publicado por Paula C. às 21:09
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|
Quinta-feira, 18 de Junho de 2009

Alma e os Mistérios da Vida.

Comecei a ler este livro...

 

 

 

A história de uma mulher invulgar num país mergulhado

nas trevas da ditadura.

 

"Na noite em que nasceste, madrugada adentro, coisas

estranhas aconteceram". Começa assim a história de Alma.

Depois dessa madrugada o destino da criança de cabelos

cor de fogo estava traçado. Na pequena aldeia todos a

olhavam, a menina especial como um ser estranho, rejeitada

pelo povo e pela família, restava-lhe refugiar-se na Ti Efigénia,

também ela isolada do resto das pessoas e considerada bruxa.
Anos mais tarde a mãe de Alma, que a considerava uma inútil,

envia-a para Lisboa como criada de servir. Na casa de Dona

Sofia a menina de cabelos cor de fogo é acolhida e educada

como a filha que Sofia não teve e pela primeira vez Alma sente-se

amada e desejada.
Alma vai estudar para Coimbra onde conhece os prazeres da

vida académica, do sexo e Ricardo. Inesperadamente Sofia

morre e Alma regressa a Lisboa.
Para superar o desgosto muda-se para Paris, mas acaba

por voltar à capital, reencontra Ricardo e, apesar do casamento

deste, vivem uma relação proibida de onde nasce Pedro. Alma

nunca revela a Ricardo que têm um filho, mas o destino

encarrega-se de cruzar os caminhos de pai e filho."

 

Estou a gostar imenso, tem uma história cativante, apetece

lê-lo sem nunca parar...

 

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 15:49
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Abril de 2009

Dia Mundial do Livro.

Imagem retirada da net

 

Celebra-se hoje o Dia Mundial do Livro, uma data para

promover o livro.

 

A ideia de celebrar este dia surgiu na Catalunha, onde é

oferecida uma rosa a cada pessoa que compra um livro.

Desde então o dia 23 de Abril tem sido comemorado de

diversas formas um pouco por todo o mundo.

 

Como adoro livros, para mim, todos os dias são dias do livro.

 

Boas leituras!

 

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 12:47
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Março de 2009

O que lês.

 A MissAna e a Mundo de Sonhos lançaram-me este desafio: 

 

1. agarrar o livro mais próximo

2. abrir na página 161

3. procurar a quinta frase completa

4. colocar a frase no blog

5. indicar cinco pessoas para continuar a tarefa

 

O livro que eu ando a ler é: "Antes de nos encontrarmos",

de Maggie O'Farrell.

 

"Stella abana a cabeça, mantendo a porta aberta com o

pé, para ele passar."

 

E agora todos os que ainda não fizeram este desafio,

sintam-se desafiados!

 

sinto-me: desafiada!
publicado por Paula C. às 00:14
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 4 de Fevereiro de 2009

Leituras.

Vou começar a ler o livro "Antes de nos encontrarmos", de Maggie

O' Farrell. Comprei-o ontem. Parece-me bastante interessante.

Segundo a crítica, é um livro "intenso, envolvente...", "o melhor da

autora até ao momento".

 

Stella e Jake estão separados por milhares de quilómetros; ela vive em Londres, e ele em Hong Kong. Nada sabem acerca da existência um do outro, mas, um dia, no mesmo instante, ambos vão viver experiências que os levarão a deixar tudo para trás e, sem o saberem, a encurtar a distância geográfica e emocional que os separa, ao encontro um do outro e de si mesmos. Começa assim uma narrativa em que, pouco a pouco, nos são desvendadas duas histórias, que percorrem várias gerações, sobre identidades desenraizadas, os laços que nos unem e o apelo inconsciente do passado e dos seus segredos. 

 

 

sinto-me: entusiasmada.
publicado por Paula C. às 10:48
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Domingo, 25 de Janeiro de 2009

Leituras.

Acabei de ler "O Sorriso das Estrelas". Gostei bastante!

Uma história de amor lindissíma!

 

Agora, o que vou ler a seguir...???

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 14:09
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Janeiro de 2009

Leituras.

Continuo a ler "O Sorriso das Estrelas". Nunca é tarde demais

para uma segunda oportunidade, de Nicholas Sparks.

À noite, antes de dormir,

gosto de ler um bocadinho. Já vou a meio e estou a gostar.

Ontem li esta passagem e não resisti a deixar vos aqui:

 

"(...) Um breve sorriso perpassou pelo rosto dele.

- Você é única, sabia?

- E isso é bom ou mau?

Paul fez mais pressão na mão dela, a pensar que sentia

prazer ao fazê-lo. Parecia-lhe um gesto natural, uma coisa que

tivesse passado anos a fazer.

- É uma grande qualidade - afirmou.

Voltou a cara para ela, a sorrir com simpatia e, de súbito,

Adrienne apercebeu-se de que ele estava a pensar beijá-la. Por

muito que ela o desejasse, o seu lado racional recordou-lhe

abruptamente que era sexta-feira. Tinham-se conhecido no dia

anterior e ele não tardava a ir-se embora. E ela também. Além

do mais, não era a verdadeira Adrienne que estava ali, ou era?

Esta não era a verdadeira Adrienne, mãe e filha cheia de preocupações,

ou a esposa que tinha sido trocada por outra mulher, ou a

senhora que catalogava livros na biblioteca. Neste fim-de-semana

era alguém diferente, alguém que mal conhecia. O tempo passado

na estalagem tinha parecido um sonho e, por muito agradáveis que

os sonhos sejam, são apenas sonhos e nada mais.

Deu um passo atrás. (...) Não havia dúvidas, pensou, de que agira

correctamente. Fizera bem em se afastar dele, largar-lhe a mão fora

uma decisão acertada.

No entanto, ao sair por aquela porta, não conseguiu deixar de sentir

que tinha voltado as costas à possibilidade de obter aquela dose de

felicidade cuja falta vinha a sentir desde há muitos anos.(...).

 

E um Bom Fim-de Semana para todos... já agora, com boas leituras. 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 14:40
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Segunda-feira, 3 de Novembro de 2008

Leituras.

Desde que acabei de ler "A Sombra do Vento" de Carlos Ruiz Záfon

nunca mais peguei num livro, ou seja, um romance, porque ler, tenho

tido muito que ler, mas mais livros técnicos, da minha área.

Mas gosto sempre de ter qualquer coisa diferente para ler, para

desanuviar, é que eu adoro ler.

Já saiu o novo livro do Carlos Ruiz Záfon "O Jogo do Anjo". "A Sombra

do Vento" é um livro fantástico e surpreendente, não sei se este segundo

consegue ser tão espectacular, é que no caso do Miguel Sousa Tavares,

enquanto que o "Equador" é um livro absolutamente

fantástico, o "Rio das Flores", acaba por ser uma desilusão.

Também já me falaram muito bem de um livro que se chama "Profecia

Celestina". 

Tenho que me decidir, ou um ou outro. Ou... aceito sugestões. 

tags:
publicado por Paula C. às 11:00
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Julho de 2008

Continuo a ler...

Continuo a ler o livro "Nenhum Olhar", de José Luís Peixoto, e estou a gostar

bastante. A sua escrita envolvente faz-nos viajar entre a emoção e a melancolia,

deixando-nos a pairar numa estranheza envolvente e misteriosa.

A forma minuciosa como descreve tudo ao pormenor é de uma beleza quase poética.

A tristeza e o sofrimento sempre presentes ao longo do livro chegam a deixar um

nó na garganta.

Simplesmente arrebatador e comovente!

 

 

tags:
publicado por Paula C. às 19:43
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Julho de 2008

Nenhum olhar!

Afinal passei pela Bertrand do Amoreiras e decidi-me pelo livro "Nenhum olhar" de José Luís Peixoto. Há já algum tempo que ouvia falar deste escritor, e bem, por isso vou agora lê-lo e espero gostar.

Começa assim:

"Hoje o tempo não me enganou. Não se conhece uma aragem na tarde. O ar queima, como se fosse um bafo quente de lume, e não ar simples de respirar, como se a tarde não quisesse já morrer e começasse aqui a hora do calor. Não há nuvens, há riscos brancos, muito finos, desfiados de nuvens. E o céu, daqui, parece fresco, parece a água limpa de um açude. Penso: talvez o céu seja um mar grande de água doce e talvez a gente não ande debaixo do céu mas sim em cima dele; talvez a gente veja as coisas ao contrário e a terra seja como um céu e quando a gente morre, quando a gente morre, talvez a gente caia e se afunde no céu."

tags:
publicado por Paula C. às 19:20
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.amigos

.pesquisar

 

.Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Barroco Tropical.

. Alma e os Mistérios da Vi...

. Dia Mundial do Livro.

. O que lês.

. Leituras.

. Leituras.

. Leituras.

. Leituras.

. Continuo a ler...

. Nenhum olhar!

.arquivos

. Novembro 2013

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.já visitaram

.neste momento

online
blogs SAPO

.subscrever feeds