Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2010

A melodia do adeus.

Comecei a ler "A melodia do adeus" de Nicholas Sparks.

Foi um dos presentes que recebi neste Natal.

Vou continuar nesta onda de leitura, histórias de amor

lindissímas, envolventes, mas

sempre com uns obstáculos para ultrapassar,

assim, como a vida.

 

"Com apenas dezassete anos, Verónica Miller - ou «Ronnie»,

como é carinhosamente chamada - vê a sua vida virada do

avesso quando o casamento dos pais chega ao fim e o

pai se muda da cidade de Nova Iorque, onde vivem, para

Wrightsville Beach, uma pequena cidade costeira na

Carolina do Norte. Três anos não são suficientes para

apaziguar o seu ressentimento, e quando passa um Verão

na companhia do pai, Ronnie rejeita com rebeldia todas

as suas tentativas de aproximação, ameaçando antecipar

o seu regresso a Nova Iorque. Mas será na tranquilidade

que envolve o correr dos dias em Wrightsville Beach que

Ronnie irá descobrir a beleza do primeiro amor, quando

conhece Will, e vai afrouxando, uma a uma, todas as suas

defesas, deixando-se tomar por uma paixão irrefreável e de

efeitos devastadores."

 

 

Imagem retirada da net

 

sinto-me: ...
publicado por Paula C. às 11:59
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Outubro de 2009

Pensamento para hoje (XX).

 

 Imagem retirada da net

 

 "Aprenda com as árvores e deixe cair as folhas secas do passado

para que adubem o chão, onde as raízes preparam o futuro."

 

René Trossero

 

sinto-me: bem!
publicado por Paula C. às 11:09
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Parabéns, minha querida!

Hoje é dia de festa... a minha princesa faz hoje dez anos.

Dez anos... como o tempo passa...

Foi no dia 23 de Julho de 1999 que nasceu a minha

pequenina, a minha princesinha... Ana.

Fui mãe pela segunda vez e não existem palavras para descrever

o quanto se é feliz naquele momento. De repente tinha nos meus

braços a minha pequenina, a minha filha tão desejada!

E  assim, mais alguém passa a fazer parte da nossa vida.

Há quatro anos atrás tinha sido mãe pela primeira vez. A partir

desse dia a minha vida mudou, tudo se modificou, mas para

melhor, sem dúvida. A nossa vida passa a ter um sentido, um

objectivo, uma preocupação constante. Quando a experiência se

repete e já não temos só um, mas dois, a felicidade é a dobrar.

Foram sem dúvida, os dias mais felizes da minha vida.

Hoje, quero partilhar essa felicidade, essa alegria de ser

mãe de uma menina, que para mim é a minha princesa,

uma menina muito querida, amorosa, meiguinha, inteligente, uma

excelente aluna, amiga das suas amiguinhas, que gosta de

brincar, ler, jogar, rir, cantar... que ilumina os meus dias

e o meu caminho. Obrigada minha querida, por seres assim,

por cada sorriso teu, por cada abracinho que me dás cheio

de amor e ternura. Toda a felicidade do mundo para ti, agora

e sempre.

Muitos Parabéns minha querida filha.

 

sinto-me: uma mãe babada!
publicado por Paula C. às 15:08
link do post | comentar | ver comentários (30) | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Maio de 2009

Pensamento para hoje (XVIII).

"O amor é a única coisa que cresce à

medida que se reparte".

 

Saint Exupèry

 

sinto-me: ...
publicado por Paula C. às 23:34
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Abril de 2009

Feliz Dia da Mãe.

Imagem retirada da net

 

 

E para todas as mamãs, Domingo... FELIZ DIA da MÃE...

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 14:47
link do post | comentar | ver comentários (30) | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Março de 2009

Feliz Dia do Pai...

... para o Papá cá de casa. A minha filha tem

andado toda atarefada a fazer os presentes para o pai.

Quer na escola, na sala de aula, quer nas actividades, de

expressões artísticas e de inglês, quer aqui em casa.

Para além dos presentes feitos na escola, resolveu fazer

um em casa, um boneco, feito com cartolinas, que teve

a ajuda de todos cá em casa, minha e do mano. E hoje

de manhã até acordou mais cedo só para dar o

presente ao pai. É um amor!

 

Um dia muito feliz para todos os Papás...

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 15:19
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 16 de Março de 2009

Cinema em casa 3.

Ontem à noite vimos este filme.

 

 

 

Ainda não li o livro por isso não posso fazer

comparações. O que sei é que gostei bastante

do filme. A história é magnífica mas é também

comovente, divertida e por vezes arrepiante. É sem

dúvida uma homenagem ao Amor, àquilo que

sentimos e àquilo que sentem por nós. Deixa-nos

a pensar, a pensar que muitas vezes não dizemos

aquilo que sentimos e que depois já é tarde demais.

Dá vontade de pegar num papel e caneta e dizer

à pessoa que se ama tudo o que se sente, e no fim

dizer... P.S. Eu Amo-te.

 

sinto-me: ...
publicado por Paula C. às 15:06
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Fevereiro de 2009

Carnaval.

Hoje, pelas 10h, é o desfile de Carnaval das escolas. A minha

pequenina vai desfilar. A euforia é enorme. Vai mascarada

de espanhola. Desde pequenina que adora mascarar-se. Têm

sido vários os fatos de carnaval, Minnie, Branca de Neve,

Princesa Barbie, Espanhola... Eu também gostava, mas só

quando era miúda, e sempre de espanhola. Tenho boas

memórias desses tempos.

Amanhã não vou trabalhar para ir ver a minha filha desfilar.

O meu filho também sempre gostou de se mascarar, de Zorro,

Supermen, Homem Aranha... mas agora já não. Quando

andava na escola primária também desfilou todos os anos.

Eu fui sempre vê-lo desfilar, mas houve um ano que eu não

pude ir assistir por motivos profissionais. Ainda recordo que quando

cheguei a casa ele ainda tinha o fato (de espantalho, que tinha a ver

com o tema do desfile) vestido para me mostrar. Estava tão giro. Fiquei

tão triste por não ter lá estado. O meu m. tirou montes de fotografias,

mas não é a mesma coisa. Depois nunca mais faltei. Por isso, agora

faço sempre o possível para ir ver a minha filha. É tão importante para

eles a nossa presença nestes momentos.

Ela ficou tão contente quando soube que eu e o pai podiamos ir vê-la.

Um dia, quando olharmos para trás, são estes momentos os mais

importantes... são estes momentos que nos enchem o coração.

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quarta-feira, 18 de Fevereiro de 2009

Sorriso.

A minha filha quando chega a casa começa logo a contar-me

as novidades da escola. O que aprenderam de novo. Alguma

história engraçada que se passou na sala de aula. Os jogos

no recreio. Os amores e desamores próprios da idade. E a

conversa prolonga-se pelo jantar. Mas quando a vou deitar

ainda há sempre mais qualquer coisa para me contar. Mais

a leitura de um livro, de histórias  ou de poemas. E foi o que

aconteceu ontem à noite. Estivemos as duas a ler um livro

de poemas que ela trouxe da biblioteca da escola. A

professora incentiva bastante à leitura e então uma vez por

semana vão requisitar um livro à biblioteca. Depois de

lermos alguns poemas houve um que me chamou a

atenção (porque seria?). Intitulava-se "Mãe". E acabava assim:

 

"...onde colheste o sorriso que me dás como uma flor?".

 

Lindo!

 

sinto-me: ...
publicado por Paula C. às 10:54
link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
|
Sábado, 14 de Fevereiro de 2009

Dia dos namorados.

Está quase a chegar ao fim. Já falta pouco para chegar

ao fim mais um dia dos namorados. Mas para mim,

dia dos namorados, é quando nós quisermos. Qualquer

dia, é dia para fazermos uma surpresa, ou sermos

surpreendidas por quem nos ama.

Foi há vinte e um anos (quando penso nisso, até me

parece mentira) que nos conhecemos, foi "quando

os teus olhos me tocaram eu senti que encontrara a

outra metade de mim", como diz o André Sardet. E foi

assim que tudo começou. Muito tempo já passou, muitos

momentos felizes, vividos a dois, muitos sonhos partilhados,

muita vida construída a dois. Os nossos pequeninos. Muita

partilha de emoções nos momentos mais difíceis.

Hoje, quero dizer-te...

 

"É que eu quero-te tanto

não saberia não te ter

É que eu quero-te tanto

Mil vezes mais do que eu te sei dizer

Mil vezes mais do que eu te sei dizer".

(Mafalda Veiga).

 

sinto-me: ...apaixonada.
publicado por Paula C. às 23:25
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

.mais sobre mim

.amigos

.pesquisar

 

.Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. A melodia do adeus.

. Pensamento para hoje (XX)...

. Parabéns, minha querida!

. Pensamento para hoje (XVI...

. Feliz Dia da Mãe.

. Feliz Dia do Pai...

. Cinema em casa 3.

. Carnaval.

. Sorriso.

. Dia dos namorados.

.arquivos

. Novembro 2013

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.já visitaram

.neste momento

online
blogs SAPO

.subscrever feeds