Sexta-feira, 31 de Julho de 2009

O monge que vendeu o seu Ferrari.

O Monge que Vendeu o Seu Ferrari

Imagem retirada da net

 

É este o livro que comecei a ler "O monge que

vendeu o seu Ferrari" de Robin S. Sharma. Foi-me

emprestado por uma amiga que gosta bastante

deste tipo de leitura. Pareceu-me interessante

assim que o folheei e li o resumo. Já comecei

a lê-lo e estou a gostar bastante.

 

É um best-seller inquestionável que oferece uma

série de lições simples e eficazes sobre como viver melhor.

Combinando de uma forma inovadora a sabedoria espiritual

do Oriente com os princípios ocidentais de sucesso e trabalho,

mostra, passo a passo, como viver uma vida de coragem,

equilíbrio, alegria e satisfação.
 

Deixo-vos aqui um resumo:

 

"Julian Mantle é um advogado de êxito, ambicioso e obcecado

com o dinheiro. Um dia o stress e a instabilidade emocional

passam-lhe finalmente factura e ele sofre um enfarte. Uma

profunda crise espiritual fá-lo então repensar a sua vida.

Na sua procura da felicidade, empreende uma extraordinária

viagem pelos Himalaias para conhecer toda a sabedoria de

uma antiga cultura. Ali encontra um modo de vida prazenteiro,

assim como um método que lhe permite libertar todo o seu

potencial e viver com paixão, determinação e paz." 

 

sinto-me: ...
publicado por Paula C. às 19:34
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 29 de Julho de 2009

Alma e os mistérios da vida.

Terminei, ontem, de ler o livro "Alma e os mistérios da

vida". Adorei o livro. A história. Os personagens. Os 

mistérios que ficam no ar. Adorei. A cada página havia

uma nova emoção, uma nova revelação. Fantástico.

Por vezes tinha dificuldade em parar de lê-lo, de tal

forma estava presa à narrativa.

Este livro deixa-nos uma mensagem maravilhosa.

Uma mensagem de amor, de uma mãe para o seu

filho. Uma mensagem que nos toca, que nos emociona,

principalmente, para quem é mãe, e sente esse amor

incondicional pelos seus filhos. Mais uma vez, quero

dizer, que adorei o livro e espero ansiosamente pelo

próximo da autora, Luísa Castel-Branco.

 

Deixo aqui uma frase de Alberto Caeiro, que vem no 

final do livro:

 

"O mistério das cousas? Sei lá o que é mistério!

O único mistério é haver quem pense no mistério." 

 

publicado por Paula C. às 14:51
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Julho de 2009

No domingo.

 

Imagem retirada da net

 

 

O descanso merecido!

 

publicado por Paula C. às 14:00
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

A Festa... no sábado.

Sábado, 25 de Julho de 2009

 

A festa de aniversário da minha princesa.

A família, os amigos, algumas coleguinhas da escola

(algumas, porque a maior parte, nesta altura do ano,

está de férias), doces, alguns petiscos deliciosos...

caracóis... não puderam faltar.

Numa tarde onde o sol e o bom tempo também quiseram

marcar presença, para dar um maior colorido à festa.

Jogos, brincadeiras, confusão, sorrisos, divertimento,

partilhados por todos, numa tarde cheia que se prolongou

pela noite.

E... uma alegria imensa estampada no rosto da minha

princesa, na sua festa de aniversário.

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 13:45
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Parabéns, minha querida!

Hoje é dia de festa... a minha princesa faz hoje dez anos.

Dez anos... como o tempo passa...

Foi no dia 23 de Julho de 1999 que nasceu a minha

pequenina, a minha princesinha... Ana.

Fui mãe pela segunda vez e não existem palavras para descrever

o quanto se é feliz naquele momento. De repente tinha nos meus

braços a minha pequenina, a minha filha tão desejada!

E  assim, mais alguém passa a fazer parte da nossa vida.

Há quatro anos atrás tinha sido mãe pela primeira vez. A partir

desse dia a minha vida mudou, tudo se modificou, mas para

melhor, sem dúvida. A nossa vida passa a ter um sentido, um

objectivo, uma preocupação constante. Quando a experiência se

repete e já não temos só um, mas dois, a felicidade é a dobrar.

Foram sem dúvida, os dias mais felizes da minha vida.

Hoje, quero partilhar essa felicidade, essa alegria de ser

mãe de uma menina, que para mim é a minha princesa,

uma menina muito querida, amorosa, meiguinha, inteligente, uma

excelente aluna, amiga das suas amiguinhas, que gosta de

brincar, ler, jogar, rir, cantar... que ilumina os meus dias

e o meu caminho. Obrigada minha querida, por seres assim,

por cada sorriso teu, por cada abracinho que me dás cheio

de amor e ternura. Toda a felicidade do mundo para ti, agora

e sempre.

Muitos Parabéns minha querida filha.

 

sinto-me: uma mãe babada!
publicado por Paula C. às 15:08
link do post | comentar | ver comentários (30) | favorito
|
Quarta-feira, 22 de Julho de 2009

Monsaraz... no domingo...

Domingo, 19 de Julho de 2009

 

É tão bom acordar e ver esta paisagem...

 

 

Planície alentejana e o Alqueva ali tão perto...

 

  

Lugar calmo, paz, sossego... que só esta paisagem pode

proporcionar e tornar mais um fim-de-semana especial!

 

Em muito boa companhia... a família... sempre!

 

Quando saímos de Monsaraz, passámos por este Convento...

 

Convento da Orada

 

Seguimos em direcção a Portel para irmos almoçar. Pelo

caminho fomos ver a Albufeira da Amieira...

 

 

 

 

 

Em Portel almoçámos no restaurante S. Pedro, onde provei

pela primeira vez "migas de espargos", uma delícia!

 

Fomos visitar o castelo...

 

 

 

 ... como não podia deixar de ser, pois quando vamos a uma

terra com um castelo, vamos sempre visitá-lo... apesar do calor...

 

De regresso a casa ainda passámos por Évora, fomos só

ver o Templo de Diana...

 

 

 

... é que o calor era tanto que não apetecia andar pelas ruas, e

também porque é uma terra que já conheciamos, mas que

vale sempre a pena voltar porque é de uma beleza e riqueza

únicas.

 

publicado por Paula C. às 16:00
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Monsaraz.

O fim-de-semana... foi fantástico!

 

Sábado, 18 de Julho de 2009

 

Depois do almoço, ainda em casa, fomos andando em

direcção ao Sul, entrando pelo coração do Alentejo, planície

e mais planície, agora cada vez mais verde, pelos campos

de vinha que vão dominando a paisagem alentejana.

Parámos em Reguengos de Monsaraz para comer um gelado.

A seguir, continuámos a nossa viagem e... avistámos ao

longe, no alto do seu cerro, a magnífica vila alentejana,

com o seu castelo altaneiro... Monsaraz!

 

É sempre bom voltar!

 

Entrámos na vila... percorremos a rua Direita, passámos pela Igreja e...

 

 

...Chegámos à "Casa do Santo Condestável".

 

À tardinha, mais um jantar anual, em casa de uns amigos.

Foi em 2001 quando tudo começou. Desde aí, todos os anos

vamos até Monsaraz. Um grupo, petiscos alentejanos,

sangria bem fresquinha, um pôr-do-sol incrível, e música ... umas

violas trazidas de propósito e vozes bem afinadas... e este ano

até houve Karaoke. A noite... esteve espectacular, com uma brisa

agradável, para ajudar à festa, naquele terraço com vista para a planície...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Paula C. às 15:29
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 17 de Julho de 2009

Fim-de-semana.

O fim-de-Semana está à porta. Nós, amanhã, vamos até

ao Alentejo... Monsaraz...

 

Foto minha

 

Desejo a todos um excelente fim-de-semana!

 

sinto-me: ...bem!
publicado por Paula C. às 14:10
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|

Anjos e Demónios.

Vimos ontem à noite. Gostei do filme, mas como

tinha lido o livro estava à espera de melhor. Gostei

bastante do livro. No filme faltam algumas personagens

importantes que enriquecem a história. Também gostei

do "Código Da Vinci", tanto do livro como do filme.

 

Imagem retirada da net

 

Baseado no livro homónimo de Dan Brown, esta é uma nova

aventura do simbologista Robert Langdon. Quando um

cientista do CERN (o centro europeu para
a investigação nuclear) aparece morto, marcado

a ferro em brasa com o símbolo dos Illuminati, o

especialista em religião de Harvard é chamado a intervir.
 

 

publicado por Paula C. às 13:25
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 14 de Julho de 2009

Dia de Domingo.

No Domingo fomos dar um passeio a Tróia,

Comporta, Alcácer do Sal... Fomos

logo pela manhã, apanhámos o ferry que faz a

travessia, Setúbal - Tróia, e do convés desfrutámos

a bonita paisagem de Setúbal e da magnífica serra

da Arrábida, não esquecendo o rio Sado,

o rio azul como é conhecido, e, mesmo em frente,

Tróia vai-se aproximando.

  

 

O tempo estava óptimo e soube bem sentir a brisa

marinha e apreciar a beleza natural daquele lugar,

só não conseguimos vislumbrar os ruazes (da família

dos golfinhos) que habitam por aquelas paragens,

e que eu já vi noutras alturas.

 

 

 

Tróia, depois de uns anos sem grandes modificações,

encontra-se agora em perfeito estado de mudança e

vontade de tornar aquele lugar num local voltado,

novamente, para o turismo. Mas, estava à espera de

encontrar qualquer coisa de diferente, de extraórdinário,

mas sinceramente fiquei um bocado desiludida. É

verdade que construiram a Marina, alguns hotéis, mas

depois continuam por lá umas construções antigas. Eu,

que conheci bem Tróia, foi sempre a minha praia preferida

desde criança, e depois em adolescente. Tenho boas

recordações dessa época. Depois deixei de ir para lá e

passei a ir para a Figueirinha, Galapos, Portinho da 

Arrábida. 

Estava à espera de algo melhor. Mas, continuam a

construir, vamos ver o resultado final e se realmente

conseguem atrair um turismo de cinco estrelas como dizem...

 

 

 

 

Depois de Tróia continuámos o nosso passeio, rodeados

de dunas de ambos os lados da estrada, fomos até à

Comporta, uma localidade muito agradável, onde almoçámos.

Rodeada de campos de arroz, casas brancas e azuis e, cegonhas

e mais cegonhas, onde em cada chaminé há um ninho, é

realmente extraórdinário.

 

 

 

Depois do almoço seguimos em direcção a Alcácer do Sal.

Mas antes, passámos por uma terra chamada Carrasqueira,

conhecida pelo seu Cais Palafitico.  

 

 

 

 

Em Alcácer do Sal podemos apreciar a bonita paisagem da

cidade, com o rio, as pontes e o castelo bem no alto.

Junto ao rio várias vendedeiras vendem camarões do rio já

cozido e há a tradição de quem passa por Alcácer comprar

camarões, porque são uma delícia.

 

 

 

Fotos minhas 

 

Depois... regresso a casa, depois de um dia muito bem passado.

 

E foi assim o nosso Domingo... 

 

Uma boa semana para todos.

 

sinto-me:
publicado por Paula C. às 04:15
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|

.mais sobre mim

.amigos

.pesquisar

 

.Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Tarde de sol.

. Férias!

. Calor...

. E...

. Ainda o Pingo Doce.

. Frases.

. Chuva.

. 1º de Maio. Feriado.

. Passei por aqui e...

. Livro.

.arquivos

. Novembro 2013

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.já visitaram

.neste momento

online
blogs SAPO

.subscrever feeds